quarta-feira, abril 18, 2007

Momento de solidariedade

Aparentemente, a minha co-blogger perdeu-se no meio de um emaranhado de fusíveis, fios eléctricos, embalagens de calcinhas eróticas, chaves de fendas e a turbulência hormonal de vários jovens prestadores de serviços - tudo isto no âmbito de uma continuada deficiência internética. Calculo que esteja a passar horas difíceis. Daqui vai um bem hajas de solidariedade, e adeus até ao teu regresso.

2 comentários:

Mazinha disse...

Eu sou uma bítima, é o que é!
desligo as comunicações na antiga loja e, gesto de ira divina, a clix desata a dar problemas em casa.
Resumindo: em casa tenho net das 6 às 11 da manhã, mais coisa menos coisa. E a 64 kbps, o que nem chega para fazer loguin aqui no nosso tasco. Nem ber bídeos. Só me podem mandar mails com letrinhas e olha lá.

Tou cansada, mano. Mas hoje o pintor bigoduço acaba a loja nova, segunda feira devo abri-la a daqui a 3(três) semanas, a Novis deve reinstalar a minha net. O único que cumpriu prazos foi o bigodes da electricidade. "Basicamente", ando a pagar balúrdios a gajos que me mentem, n atendem o telefone e tal...It's a long story...

Olha lá, já te disse que vou para uma loja que era uma sex-shop? ando lixada a tirar vinil da montra com letrinhas sugestivas... dass..

ps - tou rendida aos encantos duma aparafusadora eléctrica. Ver se saco uma cá em casa de prenda de aniversário...

Mouro da Lapa disse...

Para usar uma linguagem tecnocrática: essa loja está, portanto, a passar por um downgrade conceptual, visto que passa a vender apenas produtos para alimentar a libido através da auto-estima de metade da humanidade, tendo deixado de comercializar objectos que permitiam a satisfação dessa libido. Tá bem.