terça-feira, outubro 31, 2006

Prós e Contras

Há coisas do diabo. Ontem dei por mim a concordar com a Edite Estrela. Nem mais!
Eu, que sempre nutri uma saudável antipatia pela senhora, tive vontade de entrar pela TV dentro e esbofetear a Zita Seabra.

A senhora Zita apresentou como do argumento contra a legalização do aborto até às 10 semanas o facto de haver possibilidade de saber o sexo do bebé às 8 semanas. Segundo aquela alma iluminada, isso levaria muitas mulheres a abortar pelo simples facto de não “quererem” um bebé de determinado sexo.

É preciso ter uma mente muito retorcida para acreditar que uma mulher planeia uma gravidez para logo a seguir a interromper só porque o sexo da criança não combina com as cortinas lá de casa.
A reacção da Edite Estrela foi normal: indignou-se. Mas a Zita Seabra achou que ela “estava nervosa” por ter focado um ponto “essencial”.
Já tinha lido uma palermice destas em que citavam os casos da China e da Índia. São países que nada têm a ver com o nosso, culturas em que as filhas têm menos valor que os filhos. Acaso temos sistema de castas e ninguém me avisou???


Ps – referindo-se a uma intervenção da Odete Santos acerca de “abortos feitos em vãos de escada com agulhas de crochet”, a senhora dona Zita referiu que essa imagem é inválida porque, passo a citar, “haverá hoje em dia alguma mulher em idade fértil que saiba o que é uma agulha de crochet?”. Olhe, eu por exemplo. E até a sei usar imagine só!

6 comentários:

Shyznogud disse...

Volto a repetir o q disse lá no outro lado, quase agradeço não ter visto. Apesar de não ser uma rapariguinha muito impressionável há coisas q me provocam náuseas.

Já agora que aqui estou vai uma pergunta: vossa exa não tem, por acaso, um endereço mail? Em caso de resposta afirmativa e caso o queira facultar esteja à vontade.

Mazinha disse...

o endereço seguiu para o mail do seu blog, pareceu-me perigoso expo-lo aqui não vá dar-se o caso de começar a ser assediada por rapazes altos, espadaúdos e com mestrados em fisíca quântica ;)

Shyznogud disse...

Altos e espadaúdos ainda vá, a da fisica quântica é que assusta um bocadinho. Cheira-me a perversão...

Mazinha disse...

Sempre gostei de um toque exótico, é o que é...

FuckItAll disse...

E o cheiro a perversão assusta-te desde quando, ó tu-que-não-és-boa?!

Tu-outra-simplesmente-má, pára lá de me roubar as embirrações, óvistes?
E para que conste, fora de sítio, eu tenho cubos de madeira, agora anda a herdeira às voltas com eles.

Mouro da lapa disse...

Eu sempre embirrei com a santa Zita desde que contemplei, in illo tempore, o inusitado fervor de cristã-nova com que a senhora desdisse e desfez tudo o que tinha dito e feito quando militava nas vanguardas operárias. Era como se nunca lá tivesse estado - o que prova como o passado pode ser imprevisível.
Era só para dizer isto, prontos.