sábado, junho 09, 2007

O autocarro, retrato social ao vivo e a cores

As viagens de autocarro são, como toda a gente sabe, ( ou pelo menos aqueles que de nós não são automobilizados ) alucinantes, creio mesmo que podemos inscrever novas pérolas na sabedoria popular.

Aqui e ali ouvem-se umas frases que nos despertam daquele torpor e conseguem arrancar-nos um belo sorriso interior:

A senhora vira-se para o condutor e pergunta-lhe:

- O Senhor dá-me um jeitinho pela frente?

É claro que esta interrogação suscitaria uma série de respostas interessantes, mas é óbvio que estamos perante gente que se entende tacitamente.

Vai daí o condutor responde-lhe pacificamente, e de forma voluntária e conivente, abre amavelmente, a porta da frente para que a senhora possa sair.

1 comentário:

Mouro da Lapa disse...

Essa lembra-me o célebre Gabriel Alves a comentar jogos de futebol na RTP: "Figo trabalha entre as pernas do adversário."